com o intuito de explorar a sensorialidade e estimular novas formas de percepção, desde 2008 vendamos os olhos daqueles interessados em novas experiências.

 
 
tripla_desalinhado.png
 
 
 

O Ateliê é uma empresa especializada em eventos sensoriais!

Somos itinerantes e ocupamos restaurantes, espaços de eventos, casas e empresas. Compomos as experiências em parceria com chefs de cozinha, músicos e alquimistas, sempre sensíveis e criativos!

 
 
 

Uma série de preconceitos e condicionamentos se desconstroem e são repensados, despertando outras formas de agir, existir e se relacionar com o corpo e o ambiente. 

Diferentes estímulos como aromas, texturas, sabores, sons, o corpo e o escuro em si - são realçados e uma vivência profunda e marcante pode acontecer.

O ateliê nasceu de uma experiência inspiradora, provocada pelo contato com o projeto alemão Diálogo no Escuro. Daquele momento em diante, as psicólogas Elis Feldman, Gabriela Pistelli, Maria Lyra e a terapeuta corporal Janaína Audi começaram a pesquisar e desenvolver eventos que tenham o potencial de tocar, transformar, encantar. 

 

Os participantes são levados a um passeio pelo jardim – que, com os olhos cobertos, dá a impressão de ser uma selva. Está ali a mesa do jantar. Todos sentados, sem talheres, provam três sabores, emitindo um som para cada um...
— TAM nas Núvens
É um programa para quem sempre busca algo novo. Mas antes de cruzar a porta de saída, já dá vontade de repetir a dose
— O Estado de São Paulo
O que muda quando uma venda é colocada nos olhos? Um ateliê de gastronomia de São Paulo realiza jantares onde só não vale enxergar. Comer às cegas é a nova experiência gastronômica da cidade
— Go Where Gastronomia
tripla_alinhado.png
 
 
Vendar os olhos é a regra mais importante deste jantar, mas não a única. Ao aceitar a experiência gastronômica proposta pelo Ateliê No Escuro, o comensal também não é informado sobre o cardápio
— Veja São Paulo
O som da água e do vinho sendo derramados nas taças é lúdico. Pensa-se, por um momento, estar no controle da situação. Mas não se distinguem os líquidos, a não ser pelo aroma delicioso que exala a uva fermentada e que vai se tornando perceptível. O silêncio impera até o serviço do primeiro prato, quando mãos atrapalhadas buscam sentidos adormecidos e o riso contido não mais se contém
— Revista Expresso
durante as refeições são reavivados prazeres, sensações e emoções que podem trazer à tona diversas lembranças e momentos de diferentes fases da vida
— Diário de São Paulo

Conheça as experiências 



Participe dos próximos eventos



Que tal um evento sob medida?